Agora você pode usar o OneDrive no Linux de forma nativa graças ao Insync

29 de outubro de 2020

OneDrive é um serviço de armazenamento em nuvem da Microsoft e fornece 5 GB de armazenamento gratuito para todos os usuários. Isso é integrado com a conta da Microsoft e se você usa o Windows, você tem o OneDrive pré-instalado lá.

O OneDrive como aplicativo de desktop não está disponível no Linux. Você pode acessar seus arquivos armazenados por meio da interface da web, mas não terá aquela sensação nativa de usar o armazenamento em nuvem no gerenciador de arquivos.

Você pode usar a ferramenta de linha de comando rclone para sincronizar o OneDrive no Linux, mas não é fácil de fazer e não dá a sensação de aplicativo de desktop nativo.

A boa notícia é que agora você pode usar uma ferramenta não oficial que permite usar o OneDrive no Ubuntu ou outras distribuições Linux.

Insync é uma ferramenta de sincronização de terceiros premium bastante popular quando se trata de gerenciamento de armazenamento em nuvem do Google Drive no Linux. Já temos uma revisão detalhada do suporte do Insync ao Google Drive para esse assunto.

No entanto, recentemente, Insync 3 foi lançado com suporte para OneDrive. Portanto, neste artigo, vamos dar uma olhada rápida em como o OneDrive pode ser usado com ele e o que há de novo no Insync 3.

Alerta de software não livre: Poucos desenvolvedores se dão ao trabalho de trazer seu software para o Linux. Como um portal com foco no Linux para desktop, cobrimos esse tipo de software aqui, mesmo que eles não sejam FOSS. Insync não é um software de código aberto nem de uso gratuito. Você só tem um período de teste gratuito de 15 dias para testá-lo. Se gostar, você pode comprá-lo por uma taxa vitalícia de US $ 29,99 por conta.

Tenha uma experiência nativa do OneDrive no Linux com o Insync

Onedrive Linux

Mesmo sendo uma ferramenta premium - os usuários que confiam no OneDrive podem querer obtê-la para um experiência para sincronizar OneDrive em seu sistema Linux.

Para começar, você deve baixar o pacote adequado para sua distribuição Linux na página oficial de download.

Baixar Insync

Você também pode optar por adicionar o repositório e instalá-lo. Você consegue as instruções no site oficial do Insync.

Depois de instalado, basta iniciá-lo e escolher a opção OneDrive.

Insync 3

Além disso, é importante notar que você precisa de uma licença separada para cada conta OneDrive ou Google Drive adicionada.

Agora, depois de autorizar a conta do OneDrive, você deve selecionar uma pasta base onde deseja sincronizar tudo - que é um novo recurso do Insync 3.

Insync 3 Base Folder 1

Além disso, você também tem a capacidade de sincronizar arquivos seletivamente/pastas localmente ou da nuvem depois de configurá-lo.

Sincronização seletiva Insync

Você também pode personalizar a preferência de sincronização adicionando suas próprias regras para ignorar/sincronizar pastas e arquivos que você quer - é totalmente opcional.

Insync Customize Sync

Finalmente, está tudo pronto:

Insync Homescreen

Agora você pode iniciar a sincronização de arquivos/pastas usando o OneDrive em várias plataformas, incluindo sua área de trabalho Linux com Insync. Além de todos os novos recursos/alterações mencionados acima, você também obtém uma experiência mais rápida/suave no Insync.

Além disso, com o Insync 3, agora você pode dar uma olhada no andamento da sincronização:

Insync 3 Progress Bar

Conclusão

No geral, o Insync 3 é uma atualização impressionante para quem deseja sincronizar o OneDrive em seu sistema Linux. Caso não queira pagar, você pode tentar outros serviços em nuvem gratuitos para Linux.

O que você acha do Insync? Se você já está usando, como está a experiência até agora? Deixe-nos saber seus pensamentos nos comentários abaixo.

Confira também a versão original desse post em inglês
Esse post foi originalmente escrito por Ankush Das e publicado no site itsfoss.com. Traduzido pela rtland.team

You Can Now Use OneDrive in Linux Natively Thanks to Insync

Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.
Propaganda