Lançado software de notações musicais de código aberto Musescore 3.3!

27 de novembro de 2019

Musescore é um software de código aberto para ajudá-lo a criar, reproduzir e imprimir partituras. Eles lançaram uma grande atualização recentemente. Então, damos uma olhada no que Musescore tem a oferecer em geral.

Musescore: um software de composição e notação musical

Musescore 3 Musescore 3 Musescore é um software de código aberto que permite criar, reproduzir e imprimir partituras.

Você pode até usar um teclado MIDI como entrada e simplesmente tocar a música que deseja criar a notação.

Para utilizá-lo, você precisa saber como funcionam as notações de partituras. Em qualquer caso, você pode simplesmente tocar algo usando seu teclado MIDI ou qualquer outro instrumento e aprender como as notações musicais funcionam enquanto o usa.

Portanto, deve ser útil para iniciantes e especialistas também.

Você pode baixar e usar o Musescore gratuitamente. No entanto, se quiser compartilhar sua música/composição e alcançar uma comunidade mais ampla na plataforma Musescore, você pode optar por criar uma conta gratuita ou premium em Musescore.com.

Características do Musescore

Captura de tela do Musescore 3 Captura de tela do Musescore 3 Captura de tela do Musescore 3 O Musescore inclui muitas coisas que podem ser destacadas. Se você não está envolvido na criação de notações musicais para suas composições, talvez seja necessário ir mais fundo, assim como eu.

Normalmente, eu simplesmente vou para qualquer DAW disponível no Linux e começo a reproduzir algo para gravar/fazer um loop sem precisar criar as notações musicais. Então, para mim, Musescore definitivamente apresenta uma curva de aprendizado com todos os recursos oferecidos.

Vou apenas listar os recursos com algumas breves descrições - para que você possa explorá-los se parecer interessante para você.

  • Suporta entrada via teclado MIDI
  • Você pode transferir de/para outros programas via MusicXML, MIDI e outras opções.
  • Uma enorme coleção de paletas (símbolos musicais) para escolher.
  • Você também pode reorganizar as paletas e criar sua própria lista das paletas mais usadas ou editá-las.
  • Alguns plug-ins com suporte para estender a funcionalidade
  • Importe PDFs para ler e reproduzir anotações
  • Vários instrumentos suportados
  • Layout básico ou avançado de paletas para começar

Algumas das principais mudanças recentes incluem o redesenho das paletas, acessibilidade e o fluxo de trabalho sem entrada. Para referência, você pode verificar como as novas paletas funcionam:

Instalação do Musescore 3.3.3 no Ubuntu/Linux

A versão mais recente do Musescore é 3.3.3 com todas as correções de bugs e melhorias para seu recente lançamento Musescore 3.3.

Você pode encontrar uma versão mais antiga em seu Centro de Software (ou em seu repositório oficial). Portanto, você pode optar por um pacote Flatpak, Snap, ou talvez um AppImage de sua página de download com links para diferentes distribuições Linux.

Baixar Musescore Conclusão

Fiquei bastante fascinado em saber que o Musescore é uma solução de código aberto e gratuita para criar, reproduzir e imprimir partituras.

Pode não ser o software mais fácil de usar que existe - mas ao considerar o trabalho com notações musicais, ele irá ajudá-lo a aprender mais sobre ele e ajudá-lo também em seu trabalho.

O que você acha do Musescore? Compartilhe suas idéias nos comentários abaixo.

Confira também a versão original desse post em inglês
Esse post foi originalmente escrito por Ankush Das e publicado no site itsfoss.com. Tradução sujeita a revisão.

Open Source Music Notations Software Musescore 3.3 Released!

Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.
Propaganda