Melhores DAW (Digital Audio Workstation) disponíveis para Desktops Linux

Você não tem tantas opções como no Windows ou MacOS, mas há alguns softwares de estação de áudio digital disponíveis para o Linux. Vamos dar uma olhada neles.

Melhores DAW (Digital Audio Workstation) disponíveis para Desktops Linux

Uma estação de áudio digital (DAW, Digital Audio Workstation em inglês) permite gravar, misturar e fazer música. Para uso comercial, existem várias opções mainstream a ser consideradas, muitas vezes consideradas como padrão da indústria.

DAW completos como Nuendo/Cubase, ProTools, Ableton Live, e FL Studio da Steinberg são as soluções mais populares (e caras). No entanto, elas não estão disponíveis para o Linux.

Assim, quando se trata de Linux, você terá que usar um conjunto diferente de opções conforme as opções disponíveis. E, aqui, pretendo ajudá-lo por apontar os melhores DAWs de música para o Linux.

Coisas para ter em mente antes de usar um DAW para Linux

Mesmo que você possa obter o mesmo resultado que você teria em um sistema Windows/macOS, há alguns pontos que você deve saber antes de escolher usar um DAW para Linux.

Se você é profissional e usou o Linux, você já pode estar ciente deles. Mas, para novos usuários do Linux, isso poderia ajudá-lo a tomar uma decisão:

  • Muitas interfaces de áudio não suportam oficialmente o Linux. Então, você pode querer verificar a compatibilidade e o processo de configuração de áudio antes de iniciar.
  • Plugins de áudio populares podem não funcionar diretamente. Você terá que procurar alternativas ou tentar usar o Wine (que é um processo demorado).
  • Plug and play pode não ser o caso. A configuração manual é necessária para uma variedade de tarefas

No geral, existem alguns pré-requisitos quando se trata de usar um DAW no Linux. Pode não ser tão simples quanto instalá-lo e começar a fazer música. Então, você precisa estar ciente disso antes de escolher o Linux como sua plataforma preferida para um DAW.

Observe que existem vários editores de áudio disponíveis para Linux, mas nem todos podem ser usados como um DAW completo.

Agora que você conhece as advertências, deixe-me mencionar os melhores DAWs do Linux disponíveis.

Alerta não FOSS: Algumas aplicações mencionadas aqui não são de código aberto. Eles estão listados aqui porque estão disponíveis no Linux e o foco do artigo está no Linux.

Top DAWs para Linux

Embora possa haver vários DAWs disponíveis para o Linux, certifique-se de obter a melhor compatibilidade de hardware/software, juntamente com uma interface fácil de usar. Limitamos nossa lista a opções populares.

1. Ardour

Ardor Daw

Ardour é o DAW de código aberto mais popular disponível para o Linux. Também está disponível para Windows e macOS.

É uma opção adequada para músicos, engenheiros de áudio e compositores. Você obtém todas as habilidades essenciais para editar uma partitura e gravar/misturar uma música.

Ele vem com suporte a vários plugins prontos para uso. Mas você precisa adicioná-los manualmente ao misturador, adicionando-os do gerenciador de plugin. Além disso, você pode optar por adicionar plugins VST3 externos especificando o caminho para eles. O Ardour também suporta uma linha do tempo de vídeo se você estiver precisando extrair o áudio dele ou sincronizar.

Instalando Ardour no Linux

Ao contrário de quaisquer outros DAWs Premium, você não precisa pagar um preço salgado para obter acesso a ele. Tudo o que você precisa fazer é obter uma assinatura tão barata quanto $ 1/mês e você pode continuar temdp acesso ao programa e suas atualizações, desde que sua assinatura esteja ativa.

Se você não estiver interessado em uma assinatura, poderá optar por pagamentos únicos que devem oferecer acesso a pequenas atualizações junto com a próxima versão principal (dependendo do valor que você paga).

A melhor coisa - você também tem acesso a compilações de desenvolvimento (ou noturnas) se você gosta de testar os próximos recursos e melhorias.

Para distribuições Linux, ele fornece um arquivo .run que você pode facilmente iniciar no terminal.

Ardour

2. LMMS

lmms daw

LMMS é uma DAW livre e de código aberto disponível para Linux e outras plataformas.

Quando comparado a alguns outros DAWs, a LMMS pode ficar aquém nas especialidades necessárias por um profissional.

Contudo, deve oferecer alguns recursos se você estiver começando a criar música ou precisar de algo sem precisar comprar/assinar qualquer coisa. Em outras palavras, é um DAW editor de música adequado.

Se você estiver vindo de outro DAW em outra plataforma, a interface do usuário pode não estar confortável para se familiarizar. Mas é fácil de usar quando você se acostumar com ele.

Também suporta notas de piano para ajudá-lo com sua experiência de fazer música.

Instalando o LMMS no Linux

Você obtém a opção de baixar um arquivo de AppImage para rodar em qualquer distribuição do Linux de sua escolha. É bastante fácil de configurar, então você só precisa especificar um diretório de trabalho para começar.

LMMS

3. Bitwig Studio

Bitwig Studio Linux

O Bitwig Studio é um dos DAWs populares mainstream para música que também suporta o Linux. Quando comparado a outros DAWs nesta lista, o Bitwig oferece melhor integração de suporte e hardware multiplataforma.

Mesmo que você possa ficar com o Linux para a produção musical, tendo suporte multiplataforma para continuar seu trabalho onde você estiver é um critério importante para alguns também.

O Bitwig inclui uma variedade de ferramentas criativas para manipular arquivos de áudio e sinais. Então, é perfeitamente adequado para um requisito profissional.

Instalando o Bitwig Studio no Linux

Ele oferece um pacote DEB tradicional para instalação. Você pode usá-lo gratuitamente em um "modo de demonstração", o que não permite salvar e exportar qualquer coisa. O Bitwig Studio também está disponível como Flatpak em FlatHub.

Para desbloquear todos os recursos, você precisa comprá-lo por $ 399.

Bitwig Studio

4. Reaper

Reaper Linux

Reaper é uma DAW acessível disponível para o Linux. Ele oferece uma interface de usuário simples com todos os recursos essenciais.

Pode não oferecer muitos plugins e funcionalidades fora de caixa em comparação com o Bitwig Studio, mas deve ser bom o suficiente para a maioria das necessidades usuais, como modulação, automação, usando plugins VST e muito mais.

Mesmo que eu não tenha usado pessoalmente, Reaper afirma que é altamente personalizável e oferece boa compatibilidade com uma variedade de hardware.

Instalando Reaper no Linux

Ao contrário de outras opções, a Reaper oferece um pacote tar que você precisa extrair e instalar. Inclui um arquivo de script. Então, uma vez que você extrai, abra o terminal nessa pasta ou navegue até a pasta no terminal e execute o script com o seguinte comando

Comandos para usar no terminal

./install-reaper.sh

Quando você instala, o script gera outro script para permitir que você desinstale também. Portanto, certifique-se de escolher cuidadosamente a pasta ao instalar e verifique se você pode encontrá-lo quando necessário.

Você pode usá-lo gratuitamente sem quaisquer limitações por até 60 dias antes de precisar comprá-lo. Então, eu diria que é uma coisa muito boa se você quiser testar completamente as coisas antes de comprar uma DAW.

O custo para uso pessoal é $ 60 e se você precisar para uso comercial, isso lhe custará $ 225.

Reaper

Conclusão

Infelizmente, você não encontrará muitas opções de estação de trabalho de áudio digital disponíveis para Linux. Você pode tentar executar algumas das DAWs populares de música usando Wine, mas não tenho certeza da taxa de sucesso.

Em ambos os casos, os mencionados aqui devem ser mais do que suficientes para a maioria dos usuários.

Que DAW você prefere para produção de música? Deixe-me saber seus pensamentos nos comentários abaixo.

Via itsfoss.com. Você pode conferir o post original em inglês:

Best DAW (Digital Audio Workstation) Available for Linux Desktops

Última atualização deste artigo: 30 de outubro de 2021

PROPAGANDA
PROPAGANDA