Como iniciar, parar e reiniciar serviços no Ubuntu e outras distribuições Linux

29 de outubro de 2020

Os serviços são processos essenciais em segundo plano que geralmente são executados durante a inicialização e desligamento com o sistema operacional.

Se você for um administrador de sistema, lidará com serviços regularmente.

Se você for um usuário de desktop normal, talvez encontre a necessidade de reiniciar um serviço como ao configurar Barrier para compartilhar mouse e teclado entre computadores. ou quando você está usando ufw para configurar o firewall.

Hoje vou mostrar duas maneiras diferentes de gerenciar serviços. Você aprenderá a iniciar, parar e reiniciar serviços no Ubuntu ou qualquer outra distribuição Linux.

systemd vs init

O Ubuntu e muitas outras distribuições atualmente usam o systemd em vez do bom e velho init.

No systemd, você gerencia serviços com o comando systemctl.

No init, você gerencia o serviço com o comando service.

Você notará que mesmo que seu sistema Linux use o systemd, ele ainda é capaz de usar o comando service (destinado a ser usado com o sistema init). Isso ocorre porque o comando service é, na verdade, redirecionado para systemctl. É uma espécie de compatibilidade com versões anteriores introduzida pelo systemd porque os administradores de sistemas costumavam usar o comando service.

Vou mostrar o systemctl e o comando service neste tutorial.

Estou no Ubuntu 18.04 aqui, mas o processo (sem trocadilhos) é o mesmo para as outras versões.

Método 1: Gerenciando serviços no Linux com systemd

Estou começando com o systemd por causa do motivo óbvio de sua ampla adoção.

1. Listando todos os serviços

Para gerenciar os serviços, primeiro você precisa saber quais serviços estão disponíveis em seu sistema.

Você pode usar o comando systemd para listar todos os serviços em seu sistema Linux:

Comandos para usar no terminal

systemctl list-unit-files --type service -all

systemctl list-unit-files

systemctl list-unit-files

Este comando irá gerar o estado de todos os serviços. O valor do estado de um serviço pode ser habilitado, desabilitado, mascarado (inativo até que a máscara seja removida), estático e gerado.

Combine-o com o comando grep e você pode exibir apenas os serviços em execução:

Comandos para usar no terminal

sudo systemctl | grep running

Display running services systemctl

Mostrando apenas serviços systemctl que estão rodando

Agora que você sabe como fazer referência a todos os serviços diferentes, pode começar a gerenciá-los.

Nota: <nome-do-servico> nos comandos deve ser substituído pelo nome do serviço que você deseja gerenciar (por exemplo, network-manager, ufw etc.).

2. Iniciando um serviço

Para iniciar um serviço no Linux, você só precisa usar seu nome assim:

Comandos para usar no terminal

systemctl start

3. Parando um serviço

Para interromper um serviço systemd, você pode usar a opção stop do comando systemctl:

Comandos para usar no terminal

systemctl stop

4. Reiniciando um serviço

Para reiniciar um serviço no Linux com systemd, você pode usar:

Comandos para usar no terminal

systemctl restart

5. Verificando o estado de um serviço

Você pode confirmar que executou com sucesso uma determinada ação imprimindo o status do serviço:

Comandos para usar no terminal

systemctl status

Isso produzirá informações da seguinte maneira:

systemctl status

systemctl status

E assim funciona com o systemd. Vamos mudar para o init agora.

Método 2: Gerenciando serviços no Linux com init

Os comandos no init também são tão simples quanto systemd.

1. Listando todos os serviços

Para listar todos os serviços Linux, use

Comandos para usar no terminal

service --status-all

Service --status-all

service –status-all

Os serviços precedidos por [ - ] estão desativados e aqueles com [ + ] estão ativados.

2. Iniciando um serviço

Para iniciar um serviço no Ubuntu e outras distribuições, use este comando:

Comandos para usar no terminal

service start

3. Parando um serviço

Parar um serviço é igualmente fácil.

Comandos para usar no terminal

service stop

4. Reiniciando um serviço

Se você deseja reiniciar um serviço, o comando é:

Comandos para usar no terminal

service restart

5. Verificando o status de um serviço

Além disso, para verificar se o resultado pretendido foi alcançado, você pode enviar o service status:

Comandos para usar no terminal

service status

Isso irá gerar informações da seguinte maneira:

status do serviço

Status do serviço

Isso irá, mais importante, informar se um determinado serviço está ativo (em execução) ou não.

Conclusão

Hoje eu detalhei dois métodos muito simples de gerenciamento de serviços no Ubuntu ou qualquer outro sistema Linux. Espero que este artigo tenha sido útil para você.

Qual método você prefere? Deixe-nos saber na seção de comentários abaixo!

Confira também a versão original desse post em inglês
Esse post foi originalmente escrito por Sergiu e publicado no site itsfoss.com. Traduzido pela rtland.team

How to Start, Stop & Restart Services in Ubuntu and Other Linux Distributions

Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.
Propaganda