Como usar o gerenciador de tarefas do Firefox (para encontrar e matar abas e extensões consumindo RAM e CPU)

27 de setembro de 2020

O Firefox é popular entre os usuários do Linux. É o navegador padrão em várias distribuições Linux.

Entre muitos outros recursos, o Firefox oferece um gerenciador de tarefas próprio.

Agora, por que você o usaria quando você tem um gerenciador de tarefas no Linux na forma de ferramentas de monitoramento de sistema? Há uma boa razão para isso.

Suponha que seu sistema esteja consumindo muita memória RAM ou CPU. Se você usar o top ou alguma outra ferramenta de monitoramento de recursos do sistema, como Glances, vai perceber que essas ferramentas não conseguem distinguir as guias ou extensões abertas.

Normalmente, cada guia do Firefox é exibida como Web Content. Você pode ver que algum processo do Firefox está causando o problema, mas essa não é uma maneira de determinar com precisão qual guia ou extensão é.

É aqui que você pode usar o gerenciador de tarefas do Firefox. Deixa eu te mostrar como!

Firefox Task Manager

Com o Firefox Task Manager, você poderá listar todas as guias, rastreadores e add-ons que consomem recursos do sistema.

Firefox Task Manager mostrando recursos do sistema usados pelo Firefox

Como você pode ver na captura de tela acima, você obtém o nome da guia, o tipo (guia ou add-on), o quanto de energia e memória consumida.

Embora tudo seja autoexplicativo, o impacto da energia refere-se ao uso da CPU e se você estiver usando um laptop, é um bom indicador para mostrar o que irá esgotar a bateria mais rápido.

Acesse o Gerenciador de Tarefas no Firefox

Surpreendentemente, não existe um atalho de teclado do Firefox para o gerenciador de tarefas.

Para iniciar rapidamente o Gerenciador de Tarefas do Firefox, você pode digitar “about: performance” na barra de endereço, conforme mostrado na captura de tela abaixo.

Barra de endereços do Firefox com about:performance

Alternativamente, você pode clicar no ícone do menu e ir para as opções “Mais”, conforme mostrado na imagem abaixo.

Acessando o Task Manger no Firefox

Em seguida, você encontrará a opção de selecionar “Task Manager” — basta clicar nele.

Item do menu para acessar o Task Manager no Firefox

Usando o gerenciador de tarefas Firefox

Uma vez lá, você pode verificar o uso de recursos, expandir as guias para ver os rastreadores e seu uso e também optar por fechar as guias ali, conforme destacado na captura de tela abaixo.

Destaque para mais opções do Task Manager

Aqui está o que você deve saber:

  • Impacto de energia significa consumo de CPU.
  • Os subframes ou as subtarefas são geralmente os rastreadores / scripts associados a uma guia que precisa ser executada em segundo plano.

Com este gerenciador de tarefas, você pode detectar um script não autorizado em um site e também se ele está causando lentidão no seu navegador.

Isso não é um bicho de sete cabeças, mas muitas pessoas não conhecem o gerenciador de tarefas do Firefox. Agora que você sabe, isso deve ser muito útil, não acha?description: '---' title: 'Como usar o gerenciador de tarefas do Firefox (para encontrar e matar abas e extensões consumindo RAM e CPU)' media_order: 'firefox-task-manager-close-tab.png,firefox-task-manager-menu.jpg,firefox-task-manager-shot.png,firefox-task-manager-steps.jpg,firefox-url-performance.jpg,gerenciador-de-tarefas-do-firefox.png' revised: true taxonomy: assunto:

  • tutorial header_image_file: gerenciador-de-tarefas-do-firefox.png twitterenable: true twittercardoptions: summary articleenabled: true facebookenable: true original_title: 'How to Use the Firefox Task Manager (to Find and Kill RAM and CPU Eating Tabs and Extensions)' original_link: '/como-usar-o-gerenciador-de-tarefas-do-firefox-para-encontrar-e-matar-abas-e-extensoes-consumindo-ram-e-cpu'

O Firefox é popular entre os usuários do Linux. É o navegador padrão em várias distribuições Linux.

Entre muitos outros recursos, o Firefox oferece um gerenciador de tarefas próprio.

Agora, por que você o usaria quando você tem um gerenciador de tarefas no Linux na forma de ferramentas de monitoramento de sistema? Há uma boa razão para isso.

Suponha que seu sistema esteja consumindo muita memória RAM ou CPU. Se você usar o top ou alguma outra ferramenta de monitoramento de recursos do sistema, como Glances, vai perceber que essas ferramentas não conseguem distinguir as guias ou extensões abertas.

Normalmente, cada guia do Firefox é exibida como Web Content. Você pode ver que algum processo do Firefox está causando o problema, mas essa não é uma maneira de determinar com precisão qual guia ou extensão é.

É aqui que você pode usar o gerenciador de tarefas do Firefox. Deixa eu te mostrar como!

Firefox Task Manager

Com o Firefox Task Manager, você poderá listar todas as guias, rastreadores e add-ons que consomem recursos do sistema.

Firefox Task Manager mostrando recursos do sistema usados pelo Firefox

Como você pode ver na captura de tela acima, você obtém o nome da guia, o tipo (guia ou add-on), o quanto de energia e memória consumida.

Embora tudo seja autoexplicativo, o impacto da energia refere-se ao uso da CPU e se você estiver usando um laptop, é um bom indicador para mostrar o que irá esgotar a bateria mais rápido.

Acesse o Gerenciador de Tarefas no Firefox

Surpreendentemente, não existe um atalho de teclado do Firefox para o gerenciador de tarefas.

Para iniciar rapidamente o Gerenciador de Tarefas do Firefox, você pode digitar “about: performance” na barra de endereço, conforme mostrado na captura de tela abaixo.

Barra de endereços do Firefox com about:performance

Alternativamente, você pode clicar no ícone do menu e ir para as opções “Mais”, conforme mostrado na imagem abaixo.

Acessando o Task Manger no Firefox

Em seguida, você encontrará a opção de selecionar “Task Manager” — basta clicar nele.

Item do menu para acessar o Task Manager no Firefox

Usando o gerenciador de tarefas Firefox

Uma vez lá, você pode verificar o uso de recursos, expandir as guias para ver os rastreadores e seu uso e também optar por fechar as guias ali, conforme destacado na captura de tela abaixo.

Destaque para mais opções do Task Manager

Aqui está o que você deve saber:

  • Impacto de energia significa consumo de CPU.
  • Os subframes ou as subtarefas são geralmente os rastreadores / scripts associados a uma guia que precisa ser executada em segundo plano.

Com este gerenciador de tarefas, você pode detectar um script não autorizado em um site e também se ele está causando lentidão no seu navegador.

Isso não é um bicho de sete cabeças, mas muitas pessoas não conhecem o gerenciador de tarefas do Firefox. Agora que você sabe, isso deve ser muito útil, não acha?

Confira também a versão original desse post em inglês
Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.
Propaganda