Organizações se opõem a Stallman e FSF, mas apoiadores individuais continuam

Gnome, Mozilla, Red Hat e muitas organizações tomaram uma postura oficial contra o RMS e o FSF. Ao mesmo tempo, um número significativo de desenvolvedores de código aberto assinaram seu apoio ao Stallman.

27 de março de 2021
Organizações se opõem a Stallman e FSF, mas apoiadores individuais continuam

Você conhece a história. Richard Stallman (RMS) que foi forçado em 2019 a sair da FSF fez um anúncio surpresa do seu retorno ao Conselho de Administração da FSF.

Claro que isso ia criar uma controvérsia, e foi o que aconteceu.

O Diretor da Fundação GNOME liderou o movimento contra o RMS por criar uma carta aberta que exige a remoção de Stallman, bem como toda a diretoria da Free Software Foundation.

Várias organizações tomam uma postura oficial contra Stallman e FSF

Como a carta aberta contra o RMS foi criada pelo diretor executivo da GNOME Foundation e pessoas influentes do projeto Debian, a Open Source Initiative, várias organizações também divulgaram declarações oficiais contra Stallman e FSF.

Na carta aberta solicitando a remoção de Stallman e membros da FSF, você pode encontrar pelo menos 41 organizações. Isso inclui grandes nomes como Mozilla, SUSE, GNOME Foundation, Open Source Collective, Outreachy, Tor, X.org, FreeDOS.

FSFE (Free Software Foundation Europe) encerrou colaboração com FSF:

Portanto, na situação atual nos vemos incapazes de colaborar tanto com o FSF e qualquer outra organização em que Richard Stallman tem uma posição de liderança. Em vez disso, continuaremos a trabalhar com grupos e indivíduos que promovem a diversidade e a igualdade no movimento de software livre para atingir nossa meta conjunta de capacitar todos os usuários para controlar a tecnologia.

Mozilla assinou a carta contra Stallman em sua capacidade oficial:

Melissa di Donato, CEO do SUSE, expressou sua opinião em público:

A Red Hat deu um passo à frente e suspendeu todo o financiamento para a Free Software Foundation e seus eventos.

A Red Hat ficou chocada em saber que ele havia se juntado novamente ao conselho de administração do FSF. Como resultado, estamos imediatamente suspendendo todo o financiamento da Red Hat à FSF e quaisquer eventos hospedados pelo FSF.

A suspensão não é permanente e a Red Hat diz que espera "trabalhar com a FSF e outros para permitir que a FSF se torne mais uma vez uma organização de defesa efetiva e confiável, de acordo com sua missão sem fins lucrativos".

Indivíduos que apoiam RMS não estão desistindo

Enquanto a maioria desses opositores de Stallman e FSF está nos Estados Unidos, o apoio continua vindo de outras partes do mundo.

A carta aberta em apoio do RMS tem mais de 2900 signatários que é um pouco mais de 2700 assinaturas na carta oponente a RMS.

Não há nem mesmo uma única organização que tenha vindo em apoio à RMS, mas parece que RMS tem muitos fãs seguindo da Rússia e outros países ex-USSR/Leste Europeu (perdoe minha falta de conhecimento geográfico/histórico). Os desenvolvedores de código aberto desses países não estão com medo de mostrar seu apoio à RMS.

As estatísticas vão mudar nos próximos dias. É hora de alguém fazer um contador em tempo real comparando as assinaturas/votos em ambas as cartas para que seja mais fácil seguir as estatísticas.

Portal de suporte RMS

O que FSF está fazendo nesta situação?

dois pequeno posts em sites da FSF que falam sobre "governança organizacional e a nomeação de membros ao seu Conselho de Administração".

O conselho da FSF está solicitando propostas de consultores qualificados para auxiliar na criação de um processo formal transparente para identificar candidatos e nomear membros do conselho que sejam sensatos, capazes e comprometidos com a missão da FSF.

Eles reescreverão os estatutos para refletir a transparência em sua escolha de diretores. Acho que isso aborda a preocupação de como Stallman foi "sorrateiramente" trazido ao conselho do FSF.

O presidente da FSF Geoffrey Knauth também anunciou que se demitiria uma vez que este novo processo está tomando forma.

Eu me comprometo a renunciar como oficial da FSF, diretor e membro de votação, logo que haja um caminho claro para uma nova liderança assegurando a continuidade da missão e conformidade da FSF com requisitos fiduciários.

Geoffrey Knauth, presidente FSF

Vamos esperar e ver o que acontece.

Aproveite e assista um de nossos vídeos