O Alpine Linux 3.13 orientado à segurança lança as primeiras imagens de nuvem com outras melhorias

15 de janeiro de 2021

Alpine Linux é uma distribuição Linux leve que se concentra na segurança, simplicidade e eficiência. Se você usou o Docker, provavelmente está familiarizado com o Alpine Linux.

Se você nunca ouviu falar sobre o Alpine Linux antes, deixe-me fazer uma breve introdução.

Alpine Linux começou como um fork do LEAF Project. LEAF é uma coleção de distribuições Linux que começou como um fork do Projeto Linux Router. O criador do Alpine Linux é Natanael Copa, um engenheiro de software da Docker.

É baseado em musl libc e busybox, tornando-o uma distribuição menor e com uso eficiente de recursos. Alpine usa seu próprio gerenciador de pacotes chamado APK (Alpine Linux Package Manager) e usa BusyBox Bash como o shell padrão. Mais importante ainda, inclui recursos de segurança proativos como PaX e SSP para evitar falhas de segurança.

O que o torna único, é seu pequeno tamanho. Em comparação com outras distribuições importantes do Linux, como CentOS e Ubuntu, um único contêiner requer apenas 8 MB e a instalação mínima em disco requer cerca de 130 MB de armazenamento. Isso o torna uma distribuição Linux popular para Docker.

Você também pode verificar nossa lista de distribuições leves e distribuições orientadas à segurança para explorar mais opções.

Recentemente, a Alpine Linux lançou a versão 3.13 com suas primeiras imagens oficiais de nuvem e várias melhorias. Vou destacar mais sobre isso aqui.

Visão geral: o que há de novo?

Aqui está uma visão geral dos novos recursos e pacotes.

Com esta versão, eles introduziram suas primeiras imagens de nuvem oficiais que atualmente oferecem suporte ao Amazon AWS EC2. As próximas versões podem trazer suporte para mais serviços de hospedagem em nuvem. O Alpine Linux versão 3.13 também está introduzindo ifupdown-ng como um substituto para o busybox ifupdown.

Em segundo lugar, o PHP 8.0 com um conjunto comum de extensões está agora disponível no Alpine Linux, embora o PHP 7.4 continue sendo o padrão. Com esta versão, Node.js (LTS) é compilado com -O2 em vez de -Os trazendo desempenho aprimorado. Além disso, mudanças notáveis incluem suporte Wi-Fi aprimorado em scripts de configuração e suporte inicial para cloud-init.

Atualizações e mudanças importantes

A nova versão também vem com algumas atualizações importantes.

Você encontrará o Linux Kernel 5.10.7 com esta versão. Além disso, musl foi atualizado para a versão 1.2.

Não apenas limitado a isso, os problemas de licenciamento também resultaram na depreciação do Berkeley DB.

O Busybox foi atualizado para a versão 1.32.1. Alguns pacotes incluindo hdparm, fdformat e readprofile foram removidos. Além disso, o xorg-server e os pacotes relacionados foram movidos do main para a comunidade.

Outras atualizações importantes incluem GCC 10.2.1, Nextcloud 20.0.4, QEMU 5.2.0 e mais.

Você pode encontrar a lista completa de alterações em sua postagem no blog oficial e, para começar, você pode baixar a versão mais recente do site oficial.

Baixe Alpine Linux 3.13

Considerações finais

Uma vez que esta versão apresenta imagens de nuvem oficiais, você pode esperar ver Alpine Linux trazendo suporte para mais serviços de hospedagem em nuvem em versões futuras. Acima de tudo, os principais aspectos dessa distribuição são segurança e eficiência.

Alpine Linux é principalmente para usuários avançados que desejam uma distribuição simples, leve e eficiente para o desenvolvimento.

Você já usou Alpine Linux antes? O que você acha dessa nova versão? Deixe-me saber nos comentários abaixo.

Confira também a versão original desse post em inglês
Esse post foi originalmente escrito por Arish V e publicado no site itsfoss.com. Traduzido pela rtland.team

Security-Oriented Alpine Linux 3.13 Releases First Cloud Images With Other Improvements

Propaganda
Blog Comments powered by Disqus.
Propaganda